“As melhores coisas da vida não são coisas”.

É clichê mas não tem forma mais sincera de começar esse post a não ser com essa realidade.

Sempre fui essas entusiastas por aniversário e muita gente não entendia porque ou achava isso cômico demais. Mas agora que eu tenho esse espaço só pra mim, senta que eu vou explicar:

Eu poderia sim ficar triste porque passou mais um ano, porque fiquei mais velha, porque a vida pressionou um pouco mais para eu saber o rumo dela. Mas aniversário pra mim é muito mais do que a comemoração de um ano de vida. O que importa pra mim é saber quem caminha ao meu lado, é saber as pessoas que estão comigo entende?

Esse ano eu não ia fazer nada de mais em questão de comemoração, mas algumas pessoas me convenceram do contrário (admito que também não foi tão difícil assim de me convencer). Fazia muito tempo que eu não dava uma festa na minha casa e fiquei muito nervosa por isso, não sei explicar ao certo mas eu ficava a todo tempo me perguntando se as pessoas estavam gostando e se divertindo. Eu queria isso: que as pessoas se sentissem bem, fiz uma festa mais para elas do que pra mim.

Convidei só quem está comigo de verdade, e fiquei tão feliz de ver que tinham algumas carinhas relativamente novas (que conheço faz pouco tempo) e outras que caminham comigo por anos.

Eu chorei muito, me emocionei, fiquei radiante. Foi um dia muito feliz e enquanto eu escrevo esse post minha amiga Samantha me mandou uma mensagem: amiga, eu tava pensando, você encheu sua casa de amigos, todos se divertiram muito, você encheu sua cama de presentes e depois encheu o Factory com seus amigos, teu aniversário foi muito legal, arrasou.

MISSÃO CUMPRIDA COM SUCESSO, eu diria.

A felicidade só é real quando compartilhada e isso é verdade. Se você não puder gritar sua felicidade aos quatro cantos com seus amigos, vai fazer o que com ela? Engolir?

Eu tenho as melhores pessoas do mundo ao meu lado, pessoas que me incentivam diariamente com o blog, pessoas que fazem meus dias felizes.

E agora eu me pergunto: hoje, qual tipo de pessoa eu sou?

E as mensagens que eu recebi de aniversário respondem bem essa pergunta: eu sou uma pessoa que inspira outras pessoas a serem melhores, a se amarem, sou o tipo de pessoa alto astral que chega sorrindo e que ilumina o ambiente.

Agora pergunte a si mesmo: o que as pessoas costumam falar de você/para você? É positivo, é negativo? Qual é o impacto causado quando lembram de você?

Se eu to feliz? EU TO MUITO FELIZ. Nada me deixa mais feliz do que ler essas mensagens de pessoas que eu amo e saber que eu faço a diferença para elas. Saber que a minha amizade vale um tanto que não tem medida.

Eu só quero continuar com essa missão: entregar um pouco de felicidade e entusiasmo para as pessoas. Espalhar o bem e promover momentos incríveis.

A gente recebe sim aquelas mensagens de feliz aniversário que soam obrigatórias porque o facebook avisa, mas no fundo a gente sabe quem é de verdade e quem é de mentira hahahaha

E a mensagem final que eu quero deixar pra hoje é: aproveitem a vida com quem importa de verdade, com pessoas que fazem a diferença. E você, faça a diferença na vida delas também, porque no fundo é isso o que fica guardado.

Ontem foi meu aniversário e também aniversário do meu pai, por isso vou concluir com essa sequência de fotos amor:

 

feliz aniversário

AH, teve uma playlist especial de aniversário e que muita gente me pediu, então logo vou disponibilizar ela no Spotify pra todo mundo <3

beijin

Deixa um oi aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *