RIO DE JANEIRO, EU TE AMO – PARTE 1

Cidade linda, cheia de vida, pessoas legais, lugares incríveis, natureza. É assim que eu defino o Rio de Janeiro. Sem contar aquele sotaque carioca que mutia gente detesta mas eu só consigo adorar. Na verdade, eu acho muito acolhedor.

Bom, o motivo que me levou para lá no último final de semana foi o show do The kooks. Não tenho muito o que falar mas tenho muito para sentir. Durante quase 2 horas de show eu já consegui imaginar toda a minha vida com o Luke e fiquei pensando quem de nós dois iria buscar as crianças na aula de inglês. Ah! Sem contar que meus filhos teriam aquele sotaque britânico que só pode ser coisa de deus. Só faltou eu escrever a minha assinatura com o sobrenome Pritchard, mas já estou aqui encaminhando tudo para atualizar todos os meus documentos de identificação.

As fotos do show não ficaram boas por motivos de: eu vacilei. Dei zoom errado, fiquei pulando muito e preferi aproveitar o show do que bater fotos perfeitas. Mas dá pra conferir um pouquinho:

show1

show2

Na sexta-feira, dia 28 estava meio chovendinho. Eu e a Fabi desbravamos a Praça Mauá com a intenção de visitar o Museu do Amanhã, mas sem sucesso. Fila que não acabava mais e nós não sabíamos que os ingressos eram apenas online. Mas tudo bem, a praça por si só é incrível!

rio de janeiro

rio de janeiro

Obs.: essa foto acima foi desafiadora: “uma foto em cima desse negócio ao lado desse rio fundo, perigoso e poluído ficaria muito legal para o post do blog” -BELEZA. Foi mais ou menos isso o que aconteceu.

2

rio de janeiro

rio de janeiro

 

Bem do lado da Praça Mauá tem uma rua, um lugar no mínimo inspirador com artes gigantes nas paredes. Você anda eternamente e não para nunca, porque vai ficando cada vez mais lindo <3

rio de janeiro

rio de janeiro

rio de janeiro

rio de janeiro

rio de janeiro

rio de janeiro

rio de janeiro

rio de janeiro

Bateu uma fominha, também tem food trucks logo ali. As comidas são deliciosas e o preço é compatível com Blumenau, então eu considero barato porque afinal, era Rio de Janeiro meu bem.

 

Ah! Eu bati várias fotos com uma câmera analógica velha que eu tinha em casa! Se quiserem, eu posto o resultado delas aqui mais tarde 🙂

blog

 

Ps. todas as fotos foram feitas pela minha amiga Fabiola, melhor fotógrafa e amiga e companheira do universo. Então, não garanto que todos os posts vão seguir com esse padrão. Ooooou eu posso sempre chamar ela pra bater as minhas fotos (fica a indireta).

 

Logo vem o post com a parte 2.

Atenção spoilers: tem Pão de Açúcar, Parque das Ruínas e Parque Lage.

 

beijin.

 

 

 

Continue Reading

VESTIDO DE CASAMENTO NO DIA A DIA? PODE SIM!

Eu comprei esse vestido de festa para ir em um casamento. E só. Foi isso o que aconteceu: usei no casamento e nunca mais. Mas eu comprei justamente porque eu amei as cores e o decote dele. Então, porque diabos eu usei ele 1 vez só?

Essa coisa de comprar uma roupa muito específica para um evento muito específico anda me incomodando. Isso porque ultimamente eu tento otimizar o meu armário cada vez mais, por dois motivos: quero ter mais controle sobre o que eu compro e consumo e também quero ter um armário versátil onde eu possa usar tudo muitas vezes.

vestido de festa

Um truque (olha só eu falando truque, que blogueira haha) muito simples é usar um tênis. Coloquei e qual foi o resultado? Eu fui trabalhar com o vestido de festa que usei num casamento! Nesse caso usei uma botinha converse branca porque como o vestido é super chamativo, sem condições de colocar outro ali.

Mas, você pode usar qualquer outro tênis, principalmente se o vestido tiver uma cor lisa. Eu apostaria em um desses tênis de academia, porque quebra totalmente a proposta festa do look.

Como esse dia tava super quente e apesar de ser um vestido de verão, o tecido esquenta muito, eu optei por dar um nózinho na barra. Ficou fresquinho e nada festivo.

Esse nó eu também uso quando quero repaginar aquela saia longa básica esvoaçante.

vestido de festa

Eu até estou pensando em mandar na costureira para cortar a barra e deixar um comprimento midi (admito, eu sou a louca do midi). Não daria mais pra fazer o nó, mas transformaria o vestido em uma peça que eu usaria muito mais. De repente outro dia, em outro look, ele esteja mais curtinho. Vamos ver.

Ficou na dúvida ainda? Olha só essas inspirações que eu separei com vestidos que facilmente poderiam ser usados em uma festa, mas no caso estão desfilando pelas ruas:

vestido com tênis

Esse foi o primeiro post de verdade do blog e espero que você goste! Foi uma dica rápida e básica porque eu já tinha essas fotos mas achei que seria legal compartilhar.

AH! Fiquem ligados que o próximo post vai ser especial Rio de Janeiro 🙂

beijin

Continue Reading

OI, PRAZER

foto-certa

Eu sou a Renata, tenho 25 anos e você está lendo o primeiro post do meu blog: O Diabo Veste Áries.

De acordo com o meu diploma de graduação eu sou formada em Administração, mas preciso encarar a realidade: eu mal e mal consigo administrar o vale refeição do mês. Mas o mundo deu voltas e hoje eu trabalho em um e-commerce com geração de conteúdo de moda.

Tentando descobrir o que fazer da vida e o que eu to fazendo nesse mundo (enfrentando algumas crises existenciais) é que eu resolvi abrir o meu blog. Aqui eu quero escrever sobre moda e outras coisas que eu acho relevante: algo de decoração talvez, indicação de um filme/seriado/música quem sabe ou até mesmo contar uma história de amor. Quero dar dicas de moda de maneira saudável, com posts que mostram diversas possibilidade de looks para uma mesma peça de roupa e por aí vai. Mas vai ter tendência? Eu não compro e/ou não gosto de tudo o que sai por aí, mas acho bem bacana ficar por dentro e das novidades. Então, vai ter tendência sim.

Eu ainda não sei como vai ser o próximo post, mas eu meio que sempre fui assim mesmo, fazendo as coisas em cima do laço ou no pulo do gato.

Eu espero que gostem do que está por vir e compartilhem com todo mundo!

Ah! Feedbacks liberadíssimos 🙂

Beijin e até a próxima!

 

Continue Reading
1 8 9 10